Pub
Pub
artigo
imprimir

Prevenir varizes nas pernas: dicas!

As varizes são uma preocupação, sobretudo, para a mulher. Sabe o que pode fazer para prevenir o seu aparecimento?

As varizes não são mais do que veias dilatadas, consideradas pouco estéticas. No entanto, mais do que um problema estético, as varizes podem causar dor, desconforto e levar a problemas mais graves. Por isso, vamos ajudá-lo a identificar os sinais e dar-lhe algumas dicas de como prevenir varizes no futuro!

Sabe o que são varizes?

As veias são os vasos sanguíneos que transportam o sangue das várias partes do corpo para o coração. Para ajudar neste retorno do sangue, têm no seu interior válvulas que impulsionam o sangue. E que, além disso, impedem que o sangue fique retido «para trás». Quando essas válvulas não funcionam bem, o sangue acumula-se e torna as veias dilatadas e tortuosas. Isto pode acontecer em qualquer veia, mas é nas pernas, onde é preciso contrariar a gravidade para voltar ao coração, que esta tarefa é mais difícil. E é, por isso, que é o local mais comum onde surgem as varizes.

 

Assim, com o envelhecimento, o aparecimento de varizes tende a ser mais comum e vai aumentando com a idade. É ainda mais frequente nas mulheres, devido à componente hormonal e à gravidez. Além disso, sabe-se que é também mais frequente  em pessoas com excesso de peso ou que passam muitas horas de pé. Isto porque o peso e a posição durante longos períodos de tempo criam maior carga e desgaste sobre os vasos das pernas.

 

E conhece os sintomas?

 

Muitas vezes, só começamos a dar pelo problema quando surgem sintomas:

 

  • Dor;
  • Inchaço;
  • Sensação de pernas pesadas, que se agrava ao longo do dia e/ou por exposição ao calor;
  • Derrames, que são dilatações venosas junto à superfície da pele e indicam que existe um problema circulatório.

 

Quando assim é, há que ter em conta os fatores de risco e o historial familiar. Além disso, há que seguir as dicas que lhe deixamos para atrasar a sua evolução e para que tenha pernas saudáveis e bonitas!

Dicas para prevenir varizes
  • Dicas para prevenir varizes

    Praticar mais exercício físico

    Ao praticar exercício físico de forma regular, estamos a estimular a contração muscular que ajuda no retorno venoso. Fazer caminhadas, ginástica ou natação são os melhores desportos para ajudar na circulação. Por outro lado, o ténis ou basquetebol deverão ser moderados por se tratarem de desportos com movimentos bruscos e impacto. Além disso, a prática de exercício físico contribui para evitar o excesso de peso que é um fator de risco para que surjam varizes.

    1 / 4
  • Dicas para prevenir varizes

    Não estar muito tempo de pé

    Esta é uma das regras mais conhecidas e também a mais difícil de combate. Isto porque o segredo é, sobretudo, não estar muito tempo na mesma posição. A posição de pé, parado, é sem dúvida a que mais contribui para os sintomas de doença venosa. No entanto, estar sentado e de pernas cruzadas também não é bom para a circulação venosa. O truque é ir mudando de posição. No emprego, siga estas dicas:

     

    • Muito tempo sentado à secretária? Faça movimentos circulares com os pés e levante-se de vez em quando;

     

    • Muitas horas de pé atrás de um balcão? Caminhe de hora a hora até ao fundo da sala.
    2 / 4
  • Dicas para prevenir varizes

    Fazer massagens refrescantes em dias de calor

    O calor do verão ajuda a dilatar as veias e aumentam a estagnação nos vasos sanguíneos. Assim sendo, ao chegar a casa no fim de um dia de calor faça «duches» de água fria nas suas pernas. Além disso, no fim, use um creme hidratante fresco e massaje as pernas de baixo (do pé) para cima (coxa), para estimular a circulação e o retorno venoso.

    3 / 4
  • Dicas para prevenir varizes

    Usar a roupa e os sapatos certos

    A roupa apertada comprime as veias e dificulta a circulação. Assim sendo, deve evitar roupa muito justa, sobretudo, em dias quentes. Sim, estamos a falar daquelas calças de que gosta muito, mas que deixam costuras marcadas na pele. Então e as meias de compressão para ajudar a aliviar sintomas, não são justas? A resposta é simples: sim, são justas, para ajudar as veias a manter a sua estrutura quando estamos muitas horas de pé e num ambiente quente. Os sapatos devem ser confortáveis e ter um salto de 3 a 4 cm. Isto porque, por um lado, sapatos de salto muito alto colocam as pernas em esforço. E, por outro lado, o salto raso coloca o peso do corpo sobre os pés e sobre as pernas, criando desconforto mais rápido.

    4 / 4
artigo

51.

Varizes: um sinal de um problema mais grave

Por fim, junte-se à comunidade Cardio 365º!

Referências
  • MSD Manuals

  • Atlas da Saúde

artigo
imprimir
anterior seguinte